Ultimamente tenho ouvido muito falar a frase “Você é a média das 5 pessoas com as quais você mais convive”. Provavelmente você também ouviu. Mas você já parou para pensar nela?

Tenho pensado bastante nesta frase, dita por Jin Rohn, que nos leva a refletir que devemos priorizar, dia após dia, a elevação do nosso padrão. Padrão de pensamento, de comportamento, de pré-julgamento (já falamos por aqui sobre a empatia), de análises diárias do que consumimos e aprendemos e do que entregamos ao mundo.

As pessoas que convivemos exercem uma grande influência na nossa vida. Tente enumerar estas cinco pessoas e descrever a experiência que elas te proporcionam. Como o mundo está conectado, vale também selecionar as pessoas que você convive pelas redes sociais, mas que tem algum vinculo com você. Pessoas que trabalham com você e fazem parte do seu dia a dia (parentes não contam, apenas no caso de serem sócios ou trabalharem juntos). Conseguimos fazer esta lista numa media de período de 1 ano para sermos mais enfáticos na análise.

Já teve uma grande ideia e alguém te fez desistir por uma única palavra desanimadora?

Ou já falou algo para alguém que te entusiasmou e te fez tomar uma decisão que te levou ao sucesso ou a um nível maior de ideias e atitudes?

Pessoas tóxicas que você deve se afastar

  • A pessoa que não gosta de você
  • A pessoa que vive estressada
  • A pessoa que vive reclamando da vida ou fazendo ‘mimimi’
  • A pessoa que sempre discute com você
  • A pessoa que usa você

As cinco pessoas com as quais você mais convive determinarão a sua forma de pensar, de agir e de como preparar as metas para a sua vida. Seja a curto, médio ou longo prazo.

Desafie-se e cerque-se de pessoas de grande valor, que serão inesquecíveis na sua trajetória de vida.

“Não se junte à multidão. Vá onde as expectativas e demandas por desempenho e conquistas são altas. Jim Rohn

 

 

Dariane Vale

Moda e Gestão

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here